quinta-feira, 22 de junho de 2017

Detran publica edital de leilão em Tarauacá

Secom/Acre – Um novo edital de leilão de veículos foi publicado nesta quarta-feira, 21, no Diário Oficial do Estado (DOE). O evento, promovido pelo Departamento Estadual de Trânsito do Estado do Acre (Detran/AC), será realizado em Tarauacá, no dia 6 de julho, às 9 horas, nas dependências da Escola de Ensino Médio Dr. Djalma da Cunha Batista.

O documento lista de 32 motocicletas aptas à circulação que estão recolhidas no pátio do órgão. As inscrições se iniciam dia 26 de junho e seguem até 4 de julho. Os interessados em participar podem se cadastrar pelo site da leiloeira oficial ou pessoalmente na 2ª Circunscrição Regional de Trânsito (2ª Ciretran).

A 2ª Ciretran fica localizada na Rua João de Paiva, nº 339, Centro, em Tarauacá. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, no horário das 8 ao meio-dia e de 14 às 16 horas.

Para efetivar a inscrição é necessário realizar a visitação aos lotes. Os veículos ficam expostos a visitação no pátio da 2ª Ciretan. A visita pode ser realizada nos dias 26 a 30 de junho e 3 a 4 de julho, respeitando os horários de funcionamento.

O procedimento consiste apenas na inspeção visual dos objetos a serem leiloados, não sendo permitido o manuseio, a experimentação e a retirada de peças dos veículos.Vale ressaltar que é de inteira responsabilidade do arrematante verificar o estado de conservação dos bens e suas especificações, não cabendo reclamações posteriores à realização do leilão.

“Nessa edição os lances iniciais variam de R$500,00 a R$2.000,00, assim o leilão de veículos é uma oportunidade para quem deseja obter uma motocicleta com valor abaixo do de mercado”, explica a diretora de operações do Detran/AC, Shirley Torres.

Acesse o edital completo no site do Detran.

Mais de 1,2 mil motoristas foram autuados pela lei do farol baixo no Acre, diz PRF

Lei federal foi sancionada em julho do ano passado (Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre)
Lei foi sancionada em julho de 2016, passou mais de um mês suspensa e voltou a valer em outubro do mesmo ano.

Mais de 1,2 mil motoristas foram autuados por não estarem usando os faróis em rodovias federais que cortam o Acre, segundo dados divulgados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). A lei federal foi sancionada em julho de 2016, passou mais de um mês suspensa e voltou a valer em outubro do mesmo ano.

A lei obriga que os motoristas mantenham o farol aceso em luz baixa nas rodovias federais mesmo durante o dia. A medida também vale em perímetros que cortam as cidades. O superintendente da PRF-AC, Nelis Newton, explicou ao Jornal do Acre que a fiscalização é realizada desde a publicação da determinação.

“Teve um período que ficou suspenso por conta de ações judiciais, mas a fiscalização permanece ativa para as rodovias que estão identificadas, não importando que seja um trecho rural ou urbano nas cidades”, disse.

Newton acrescentou que a abordagem ao condutor não é necessária. “Alguns condutores alegam que não foram abordados, na maioria das vezes, não há a abordagem ao veículo. O condutor recebe a notificação e, em seguida, os procedimentos legais”, afirmou.

O superintendente ressaltou que a medida tem o objetivo principal de reduzir os acidentes, uma vez que o veículo com o farol aceso tem mais facilidade de ser visto em uma distância maior. “Isso evita a ultrapassagens, uma série de manobras por conta da visibilidade que aumenta”, finalizou.
Por Jornal do Acre, Rio Branco

TARAUACÁ: PADEIRO QUE FOI ATROPELADO POR MOTOQUEIRO ALCOOLIZADO, RECEBE AJUDA PARA CONTINUAR TRABALHANDO


Ezequiel Lima da Silva, 26 anos, casado e pai de dois filhos (3 e 4 anos), morador do Bairro da Praia, é padeiro e tem uma pequena panificadora em sua residência, onde produz o pão que vende diariamente para tirar o sustendo da família.

No último domingo, ele vinha na sua bicicleta cargueira vendendo pães no Bairro do Corcovado, quando um motociclista sob efeito de bebida alcoólica, o atropelou. Na batida, danificou muito sua bicicleta, quebrou as caixas de colocar os pães e perdeu todos os pães que vendia. O prejuízo foi grande. O motociclista fugiu do local sem prestar socorro. As informações foram repassadas por um policial militar que se sensibilizou com a situação do trabalhador e pediu que postássemos um pedido de ajuda para o rapaz.

O editor deste site, Professor Raimundo Accioly, postou o caso na sua página do Face book pedindo ajuda para o rapaz. Muita gente se manifestou querendo ajudar.
O casal Dedé Espanhol e Gleice Saboia, proprietários da Acre Bike, uma loja especializada em vender e fazer manutenção em bicicletas, manifestou ajuda em recuperar a bike. Mecânicos da empresa deram um trato e deixaram a “maquina” zerada.

Ezequiel recebeu também ajuda da Advogada Susiane Batista que doou a madeira pra ele construir novas caixas de colocar os pães.
Muitas pessoas estão o ajudando.
Por: Accioly

TARAUACÁ: COOPERATIVA ASSINA TERMO DE DESISTÊNCIA DE USO DO MERCADO DO PEIXE

A Cooperativa dos Piscicultores, Produtores, Agricultores, Familiares, Extrativistas e Ribeirinhos – COOPTAR assinou Termo de Desistência de Uso do Mercado do Peixe, que estava com o Termo de Permissão de Uso de Imóvel desde novembro de 2016, celebrado na gestão passada.

O Termo de Desistência foi assinado de livre e espontânea vontade pela Própria cooperativa na presença de duas testemunhas e entregue na manhã desta quarta-feira, 21, no gabinete da Prefeita Marilete Vitorino. A vereadora Janaína Furtado esteve presente no ato.

De acordo com a assessoria jurídica da prefeitura, será feito um laudo técnico para identificar se a necessidade de algum reparo de danos na estrutura física do imóvel. Se houver, a Cooperativa tem até 10 (dez) dias para fazê-lo e desocupar o prédio público.
Assecom/Tarauacá

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Jorge Viana garante empenho de R$ 4,4 milhões de emendas para governo e prefeituras


Recursos atenderão dez prefeituras, comandadas por diferentes partidos, inclusive de oposição, além do governo do estado

O senador Jorge Viana (PT-AC) conseguiu garantir o empenho no Orçamento da União de mais de R$ 4 milhões de emendas parlamentares de sua autoria que vão atender diversas frentes de trabalho em Rio Branco e outros nove municípios do estado. O empenho cria a obrigação orçamentária de pagamento das emendas parlamentares. A partir dele, as prefeituras e o governo já podem dar início ao trabalho de licitação e compra de equipamentos ou execução de obras.

Os valores vão atender diversas frentes de trabalho. Para Rio Branco, serão R$ 1,4 milhão para pavimentação de ramais e construção de calçadas. Além disso, existem mais R$ 450 mil para construção de um Centro de Educação Ambiental no Parque Capitão Ciríaco. As cidades de Xapuri, Brasileia, Bujari, Sena Madureira e Senador Guiomard, que sofrem com problemas de infraestrutura, receberão entre R$ 250 mil e R$ 600 mil cada para recuperação de vias urbanas.

Santa Rosa, Feijó, Tarauacá e Marechal Thaumaturgo serão contempladas com recursos de até R$ 150 mil cada para aquisição de máquinas e equipamentos. Já o governo do estado também ganhará apoio para ações de apoio a pessoas com deficiência.

Para Jorge Viana, a garantia de recursos no orçamento para as prefeituras do Acre, independente de sigla partidária, vai ajudar a execução de projetos nesse tempo de grave crise econômica. “Como parlamentar, procuro ajudar todas as prefeituras do estado, e todos os anos destino emendas para os 22 municípios, independentemente de partido político. Já fui prefeito, já fui governador, e sei da importância das emendas parlamentares. Mesmo sendo um governo de oposição, estou sempre cobrando pelo empenho e liberação desses recursos para ajudar meu estado”, declarou. 
Arão Prado - assessoria