quinta-feira, 30 de julho de 2015

Pacotão do Galo tem noche de Pratto, Victor 2019 e novo manto All Black

Quem segura o Atlético-MG? Nesta quarta-feira, o São Paulo bem que tentou, mas o Galo, mais uma vez, foi avassalador. O time de Levir Culpi alcançou uma vitória por 3 a 1 no Mineirão que o mantém na liderança isolada do Campeonato Brasileiro. De uniforme novo todo preto e com Victor vestindo a camisa com o número 2019 nas costas - em alusão à renovação do contrato dele com o clube - a equipe foi no embalo de Lucas Pratto, que teve uma "noche" de gala ao marcar os três gols do triunfo atleticano no estádio - onde o Galo está invicto neste Brasileiro. Veja como foi o jogo, da entrada com o novo manto aos três gols do argentino.
ALL BLACK
Sem as tradicionais listras, o Atlético-MG estreou contra o São Paulo o terceiro uniforme para a temporada. O novo manto, todo preto, deu sorte ao Galo, que superou o time paulista por 3 a 1.
Atlético-MG; São Paulo; Mineirão (Foto: Reprodução/TV Globo)Atlético-MG estreou novo uniforme diante do São Paulo: deu sorte (Foto: Reprodução/TV Globo)


MASSA PRESENTE
Assim como nas vitórias sobre o Joinville e o Sport, a torcida atleticana lotou o Mineirão. Diante de mais de 47 mil pagantes, o Galo, mais uma vez, retribuiu o apoio das arquibancadas.
Torcida Atlético-MG Mineirão (Foto: Reprodução/ TV Globo)A torcida do Atlético-MG compareceu em bom número no Mineirão (Foto: Reprodução/ TV Globo)






CAMISA 2019
Os torcedores atleticanos que foram ao Mineirão na quarta-feira podem ter estranhado a numeração da camisa de Victor. O goleiro atuou com o número 2019 nas costas, referente à renovação do vínculo com o clube por mais quatro temporadas.
Victor usa camisa com a numeração do ano em que se encerra novo contrato com Galo (Foto: Reprodução/TV Globo)Victor usou camisa com a numeração do ano em que se encerra o novo contrato com o Galo (Foto: Reprodução/TV Globo)

JUSTIFICOU O CONTRATO
O São Paulo não se intimidou com a presença da torcida atleticana. Aos 4 minutos, Luís Fabiano encheu o pé de fora da área, mas Victor mandou para escanteio com a ponta dos dedos. Defesa para justificar, logo no início do jogo, a renovação de contrato com o Galo.








ELE DE NOVO!
Com 17 minutos, nova oportunidade para o São Paulo. Michel Bastos armou o contra-ataque e lançou Alexandre Pato, que ficou cara a cara com Victor. O atacante bateu colocado, e o goleiro, bem posicionado, encaixou a bola.







NA BORDA DO PRATTO
Quem começou com as melhores chances foi do São Paulo, mas quem marcou foi o Galo. Aos 19 minutos, Marcos Rocha cruzou para Lucas Pratto, que desviou para grande defesa de Rogério Ceni. A bola, no entanto, voltou para o argentino que, de ombro, mandou para as redes.








DE COSTAS
No embalo do primeiro gol, o Atlético-MG marcou o segundo. Com 25 minutos, Douglas Santos mandou para área, Lucas Pratto desviou sem olhar para o gol, e a bola morreu no canto de Rogério Ceni. Festa no Mineirão.








SÃO VICTOR
Se o Atlético-MG marcava no ataque, Victor defendia tudo lá atrás. Pato pegou a sobra, aos 38 minutos, e soltou a bomba dentro da área. O gol parecia certo, mas o goleiro fez milagre.








SORTE DE CAMPEÃO?
Quando a fase é boa, tudo dá certo. Com 42 minutos, Ganso invadiu a área e finalizou rasteiro. A bola passou por Victor e bateu na trave. Na sobra, Pato, com gol aberto, perdeu chance incrível.
LA NOCHE DE PRATTO
Foi "la noche de Pratto". Implacável, o centroavante argentino anotou seu hat-trick aos 45 minutos do primeiro tempo. O camisa 9 recebeu belo lançamento de Giovanni Augusto, dominou e finalizou para marcar o terceiro gol dele e do Galo na partida.








QUE BELEZA, PRATTO!
Ele faz gols, mas também distribui passes. E com muito estilo. Aos 21 minutos, a bola chegou para Pratto, que tocou de calcanhar para Carlos. O camisa 13 finalizou, e Rogério encaixou.








PAPÉIS INVERTIDOS
Aos 40 minutos, Lucas Pratto e Marcos Rocha inverteram papéis. O atacante argentino cruzou na área, e o lateral finalizou de peixinho. Rogério Ceni impediu o gol com uma ótima defesa.