sábado, 29 de outubro de 2016

TARAUACÁ: ACUSADO DE ASSASSINAR AGENTE SÓCIO EDUCATIVO TENTA SUICÍDIO NA DELEGACIA DO MUNICÍPIO

Por volta das 14:30h dese sábado, 29 de outubro, numa das celas da Delegacia de Polícia de Tarauacá, Agnaldo Agnaldo de Freitas Soares, de 36 anos, acusado de ser o principal suspeito pelo assassinado do agente sócio educador Vando Medeiros, no último domingo (23), na Comunidade Estirão da Hora, tentou tirar a própria vida usando usando sacolas plásticas para fazer uma espécie de "fita" ontem tentou se enforcar. Depois de colocar a "fita" no pescoço ele se jogou na parede tentando tirar a própria vida. Socorrido ele está sob cuidados médicos. A informação foi repassada pelo Delegado José Obetânio.



Agnaldo foi preso por policiais civis e militares do município de Tarauacá na madrugada desta quinta feira, 27 de outubro, por volta de meia noite e meia e no mesmo dia o Delegado José Obetânio, após ouvir sua confissão, o encaminhou para o Presídio Moacir Prado.



De acordo com o delegado José Obetânio, depois da audiência de custódia, Agnaldo voltou para a delegacia no mesmo dia onde, até hoje, estava aguardando ser transferido para um presídio na cidade de Cruzeiro do Sul.

"Nós fizemos a nossa parte que foi prendê-lo e, depois de interrogá-lo, o encaminhamos ao presídio Moacir Prado. Ele saiu do presídio no mesmo dias e ficou aqui na nossa delegacia a espera de sua transferência para Cruzeiro do Sul. Hoje a tarde ele, que estava sozinho na cela, tentou suicídio e nós o socorremos e encaminhamos para o hospital", disse o Delegado Obetânio.


Por: Accioly