terça-feira, 4 de outubro de 2016

Tião Viana avalia resultado das eleições municipais no Acre


Após o pleito realizado no domingo, 2, o governador Tião Viana avaliou, durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta segunda-feira, 3, o resultado das eleições municipais no estado. Entre os principais destaques, ele mencionou o expressivo número de votos que reelegeu o prefeito da capital, Marcus Alexandre (PT), o amplo número de vereadores eleitos em todo o estado pela Frente Popular do Acre (FPA) e o percentual de votos dos partidos por aliança.
Em todo o estado, a FPA conseguiu eleger 101 vereadores. Só o PT, por exemplo, elegeu 40 vereadores, ficando à frente do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) e do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).

“Isso demonstra a força e a solidez com o qual temos trabalhado, com humildade procurando encontrar a opinião pública, naquilo que ela recomenda como atitude para a vida pública e a política. Fizemos alianças muito oportunas, e agora temos que trabalhar”, disse Tião Viana.

No percentual de votos como partido na aliança, o Partido dos Trabalhadores (PT) obteve 46,9%, seguido do PMDB, que obteve 31%, e do PSDB, com 22%.

Tião Viana avalia, ainda, que em todo o estado o resultado foi o esperado, desde o percentual de votos individuais até os resultados menos exitosos, como em Marechal Thaumaturgo, Rodrigues Alves, Tarauacá e Feijó.

“Nós temos que procurar entender essa dinâmica da disputa eleitoral que muda a realidade 24 horas antes da eleição. Fizemos a nossa parte com a consciência tranquila. Sentimo-nos com o apoio popular para construir nossos projetos com os pés no chão, com humildade, e deixar a população livre, de mãos dadas, para, junto com a gente, pensar o melhor para o Acre”, continuou.
Sobre o que foi feito e os rumos do Acre

Tião Viana destacou, ainda, que o Acre tem avançado no caminho da humildade, da prosperidade, e o governo tem feito uma gestão que se preocupa o melhor pelas pessoas.

“É só avaliar os dados: fizemos 1.200 ruas como governo em Rio Branco e mais de 2.600 no estado. Entregamos 12 mil casas, mais de 30 mil títulos de propriedade, e mais de oito mil famílias receberam pequenos negócios. Avançamos como nunca na mecanização, na destoca e no plantio, e no Ideb o Acre conseguiu ser o primeiro da Região Norte, na avaliação do ensino fundamental e médio”, analisou.

AGÊNCIA ACRE