quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Os vereadores Tom Sérgio (PDT), Roberto Rodrigues, Dê Dias e a presidente da Câmara de Vereadores de Jordão, Meire Sérgio, ambos do PCdoB, denunciam a situação de descaso envolvendo a Segurança Pública do município

SEGUNDO OS VEREADORES, A ÚNICA DELEGACIA DE POLÍCIA ENCONTRA-SE DETERIORADA E ABANDONADA PELO PODER PÚBLICO ESTADUAL. SEGUNDO OS PARLAMENTARES, O PRÉDIO ESTÁ ABANDONADO E A POPULAÇÃO SEM ATENDIMENTO A MAIS DE 10 DIAS.

“A DELEGACIA DE JORDÃO ESTÁ A MAIS DE 10 DIAS SEM QUALQUER SERVIDOR PARA REALIZAÇÃO DE ATENDIMENTO. O ÚNICO AGENTE DE POLÍCIA LOTADO ENCONTRA-SE EM LOCAL DESCONHECIDO”, DENUNCIAM OS VEREADORES.

OS VEREADORES RELATARAM AINDA A FALTA DE CUMPRIMENTO DE CRITÉRIOS BÁSICOS DOS SERVIDORES APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO NA ÁREA DE SEGURANÇA AO DENUNCIAREM O NÃO CUMPRIMENTO DO ESTÁGIO PROBATÓRIO E A TRANSFERÊNCIA DE AGENTES ANTES DO PRAZO ESTIPULADO POR LEI.

“NÃO SÃO RESPEITADOS QUAISQUER CRITÉRIOS PREVISTOS NO EDITAL DO CONCURSO, COMO POR EXEMPLO, O ESTÁGIO PROBATÓRIO PARA REALIZAÇÃO DE TRANSFERÊNCIAS. O QUE ACONTECE HOJE É QUE O PESSOAL DA CAPITAL REALIZA CONCURSO PARA O INTERIOR E LOGO EM SEGUIDA, DE ALGUMA FORMA, DEPOIS DE LOTADOS CONSEGUEM TRANSFERÊNCIA EM QUESTÃO DE MESES” RELATARAM OS VEREADORES TOM SÉRGIO, ROBERTO RODRIGUES E DÊ DIAS, QUE QUESTIONARAM AINDA ATÉ QUANDO A POPULAÇÃO VAI SER VÍTIMA DA FALTA DE RESPEITO POR PARTE DO PODER PÚBLICO.

HÁ DOIS ANOS A CÚPULA DA SEGURANÇA PÚBLICA COMPOSTA PELO SECRETÁRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA, O SECRETÁRIO DE POLÍCIA CIVIL E O REPRESENTANTE DA PM, VEIO EM JORDÃO E GARANTIU QUE NÃO IRIA SER FEITO NENHUM PROCESSO DE TRANSFERÊNCIA SEM QUE UM OUTRO AGENTE OCUPASSE A VAGA DO TRANSFERIDO.