segunda-feira, 8 de maio de 2017

Com prefeitos, deputados e vereadores, PC do B realiza encontro Estadual no auditório da Aleac

A direção do PCdoB do Acre realizou neste sábado, 06, o encontro estadual com os membros do partido. O encontro foi realizado no auditório da ALEAC, em Rio Branco. Militantes do interior do Estado marcaram presença, dentre eles os vereadores de quase todos os municípios como o Presidente da Câmara de Bujari Vereador Rainundinho, presidente da Câmara de Tarauacá Carlos Thadeu, presidente da câmara de Marechal Thaumaturgo João Luciano e o líder do prefeito de Rio Branco Eduardo Farias, além da bancada de Jordão e Tarauacá que se fizeram presentes. Os dois prefeitos Elson Farias,de Jordão e Romualdo, de Bujari, também estiverem presente no debate que a sigla realiza anualmente para traçar as diretrizes que denota os enfrentamentos da legenda frente as políticas neoliberais.

Os deputados da sigla também marcaram presença e deram suas contribuições no debate que é primordial para o crescimento do PCdoB acreano. Jenilson Leite, deputado estadual e vice-presidente, vem tendo uma mandato de destaque na ALEAC e uma atuação essencial no tocante à restruturação do partido junto aos movimentos sociais, no crescimento e na atração de novas lideranças , um exemplo disso é a presença no encontro de Jesus Pilique e do professor Camilo que disputaram a prefeitura de Assis Brasil e Placido de Castro.

Moisés Diniz que assumiu como suplente na Câmara Federal tem trabalhado no fortalecimento do partido, além disso suas batalhas em defesa do trabalhador brasileiro tem ganho destaque na imprensa e nas redes sociais pela sociedade acreana.

Atualmente o partido é presidido no estado por Miguel Félix. Para ele, o encontro serviu para demonstrar a maturidade que os membros do partido tem e a unidade partidária pelos que compõem a sigla.
O PCdoB têm 16 vereadores no Acre e comanda duas prefeituras
Além dos nomes já citados, participaram do encontro figuras históricas do partido no Estado, são elas: a ex-deputada federal Perpétua Almeida, o ex-presidente da Aleac Edvaldo Magalhães; Chagas Batista, líder do partido em Tarauacá, tendo inclusive sendo eleito vereador por três vezes e vice-prefeito, o secretário de educação de Rio Branco Marcio Batista entre outras lideranças do Partido.

No encontro de dois dias se avaliou a crise histórica pela que passa o país, as incertezas advindas desta conjuntura para as eleições de 2018, o impacto disso na vida do Acre e na política local. O partido aproveitou para animar suas principais lideranças para qualquer cenário que surgir. O Pc do B pretende em 2018 recuperar a vaga de federal, e deliberou pelo nome da histórica dirigente Perpetua Almeida como nome para a disputa, ter participação na chapa majoritária onde apresenta o nome do deputado federal Moises Diniz e eleger dois deputados Estaduais.
Ac24horas