segunda-feira, 26 de junho de 2017

Tião Viana se reúne com produtores de suínos e abacaxis do Juruá

Por Samuel Bryan 

Durante agenda em Cruzeiro do Sul na sexta-feira, 23, o governador Tião Viana se reuniu com produtores de suínos e abacaxi da região do Juruá para procurar maneiras de impulsionar as cadeias e agregar mais famílias produtoras, visando novos investimentos em parceria com o governo do Estado.
Governo do Estado prepara um investimento de R$ 6 milhões na suinocultura de Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

Em conversa com os membros da Cooperativa de Produtores de Aves e Suínos do Vale do Juruá (Coopas), a expectativa do governo é investir mais R$ 6 milhões no fomento a suinocultura, para criar um potencial de 1.200 animais abatidos por mês em Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima.

Com a Coopas, o governo pretende reunir 50 produtores para criação de animais na região, construindo galpões de engorda e colocando em funcionamento o frigorífico de abate em Mâncio Lima. Membro da Cooperativa, Antônio Aquino reforça o compromisso dos produtores.

“Nosso principal objetivo é alavancar a produção de suínos com este investimento do governo. Montamos essa cooperativa para viabilizar a produção aqui que não é barata. O governador já tinha nos falado desse investimentos de R$ 6 milhões, que com certeza vai nos ajudar bastante, construindo os galpões e até abrir possibilitando financiamentos nos bancos para os produtores”, conta Antônio.
Governo pretende distribuir mais três milhões de mudas da fruta e construir uma agroindústria (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
Abacaxi em alta

Uma das produções que mais tem se destacado no Juruá é a de abacaxi. Hoje, o Vale do Juruá possui cerca de 4,8 milhões de pés de abacaxis entre produtores. Com isso, o governo pretende expandir essa produção e dar ganho ao produto com sua industrialização.

Em conversa com representantes da Cooperfruits, o governador Tião Viana revelou o investimento de entregar mais três milhões de mudas de abacaxi para alavancar a produção na região e a proposta de uma indústria de beneficiamento de polpas até meados de julho.

Cleyton Holanda, representante da Cooperfruits, ressalta: “A produção de abacaxi aqui no Juruá despontou com meu pai, Pedro Holanda, em 2001. Hoje ela cresceu demais em toda a região e juntos com o governo montamos planos para ir muito além”.