segunda-feira, 24 de julho de 2017

A polícia procura por dois homens que deixaram dois mortos e um ferido na noite deste domingo em Brasileia

As autoridades do município de Brasileia estão tentando localizar dois homens que circulavam em uma moto na noite deste domingo, dia 23, por volta das 23h50, no bairro Leonardo Barbosa e armados, até fazer vários disparos, deixando dois mortos e um ferido.

Edivaldo não resistiu aos ferimentos e morreu
Segundo foi apurado, os dois homens circulavam na moto sem levantar suspeita, até chegar próximo a um lanche existente no bairro citado. Foi quando a dupla parou e o garupa sacou de uma pistola e apontou contra Edivaldo Marcolino de Oliveira (33), o ‘Tiririca’.

Segundo testemunhas, foram cerca de seis disparos, sendo que cinco acertou Edivaldo no tórax que caiu no local. Um homem que estaria conversando com a vítima, foi atingido no braço esquerdo e saiu correndo para tentar salvar sua vida.

O terceiro, também não identificado por não portar documentos, foi alvejado abaixo da axila esquerda. O projétil transpassou o corpo saindo do lado oposto e também caiu perdendo muito sangue e se acredita que tenha sido uma vítima de bala perdida.

Segunda vítima não resistiu ao ferimento.

A dupla fugiu tomando rumo ignorado, enquanto terceiros chamavam socorristas do SAMU e acionavam a polícia pelo 190 (Emergência). Mesmo com o resgate dos dois para o hospital de Brasiléia, ambos sucumbiram aos ferimentos e morreram no Pronto Socorro.

Edivaldo ‘Tiririca’ tinha várias passagens pela Justiça por diversos delitos e estaria em liberdade assistida a poucos dias. O corpo da segunda vítima permaneceu no necrotério do hospital até ser identificado.

Se acredita até o momento, que o caso estaria relacionado a disputa entre facções criminosa rivais que vem acontecendo na fronteira e ninguém foi preso ainda. Com informações O Alto Acre.

Por: Por Mário Célio/feijo24horas