quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Presídio de Tarauacá, Câmera flagra nova fuga de detentos em pouco mais de um mês

Oito detentos conseguiram fugir durante visita íntima. Em dezembro do ano passado, 20 fugiram e somente 8 foram recapturados, segundo Iapen.

Por Iryá Rodrigues, G1 AC, Rio Branco

Em pouco mais de um mês, nova fuga é registrada em presídio no interior do Acre.
Pouco mais de um mês depois, uma nova fuga foi registrada no Presídio Moacir Prado, nesta quarta-feira (23), em Tarauacá. Desta vez, oito presos que cumpriam pena na penitenciária conseguiram fugir pelos fundos da unidade, onde parte do muro foi derrubada em uma obra de revitalização. Um vídeo gravado pelas câmeras de monitoramento flagrarou a ação dos detentos.

A informação foi confirmada pelo diretor-presidente do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen-AC), Aberson Carvalho. Segundo ele, dos 20 presos que fugiram em dezembro do ano passado, somente oito foram recapturados.

A fuga nesta quarta ocorreu durante a visita íntima, segundo Carvalho. As imagens mostram o momento em que detentos saem do solário do presídio e pulam pela parte do muro que está vedada somente com uma placa de metal.

“É atípico ocorrer fuga nas visitas, e a gente está verificando o que ocorreu. Os pontos fracos que nós temos estamos tomando as providências de corrigí-los que seria questão da instalação de um alambrado com concertina e ver porque os sensores não funcionaram e se as câmaras identificaram o que ocorreu”, informou o diretor do Iapen.

Carvalho falou sobre o muro que teve uma parte, de cerca de três metros, derrubada. A queda do muro faz parte de uma obra de ampliação do presídio e teve que ser parada por conta das fortes chuvas que atingem a região.

“Na verdade, será construída uma nova muralha e não temos como fazer de imediato, porque as fundações precisam de um tempo mais ensolarado. No entanto, para reparar a questão da muralha que foi derrubada, vamos fazer um alambrado com concertina nos próximos dias, para poder coibir qualquer tentativa de fuga por essa parte”, disse Carvalho.
Parte do muro foi derrubada em obra de ampliação que foi suspensa por conta de fortes chuvas (Foto: Arquivo pessoal)

Um procedimento investigatório foi aberto pelo Iapen. “Vamos investigar se houve facilitação ou não, quais foram as fragilidades que ocorreram para tomar as medidas de procedimentos administrativos”, concluiu.

Atualmente, o presídio conta com um efetivo de 12 agentes por dia para atender cerca de 390 presos, conforme o diretor. A unidade tem capacidade para 80 vagas e tem déficit de 310 vagas.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do Acre (Sindapen) divulgou a lista com os nomes dos presos que fugiram. Confira:

Ezequiel da Silva Souza
José Carlos do nascimento Souza
Francisco Santos Lopes
Benedito do Nascimento Silva
Vagner Teixeira Ferreira
Lucimar Gomes do Santos
Rosenilson Geraldo da Silva
José de Souza Silva