terça-feira, 14 de agosto de 2018

Nova fuga em massa do presídio do município de Feijó

Outra fuga em massa aconteceu no presídio de Feijó. Madrugada de domingo, por volta de 1h30min, 15 presidiários fizeram buraco na parede da cela principal e empreenderam fuga. A cidade que recebe grande público para o festival do açaí, vive situação de pânico e o delegado pediu reforço da capital. Dois foragidos foram capturados.

As fugas do presídio são constantes, apesar de ficar anexo ao quartel da Polícia Militar. Com celas frágeis, desprotegido, insalubre, sem ventilação, as instalações da 5ª Unidade Prisional (UP5) deixa muito a desejar.
Foto: Reprodução/PortalFNA
Os foragidos são: Jonas de Oliveira Ferreira (“Jonas do Pascoal”), Alexandre Tavares Leone, Antonio Araújo Firmino, José Francisco Lima da Silva, Elieuson Melo de Sousa, Junior Pereira da Silva, Rangel Ranny Ferreira de Souza, Salomão Santos de Albuquerque, Juan Lima Cordeiro, Ailton Aguiar do Nascimento, André Moura da Silva, Fábio Sousa e Sousa, Castro Sousa e Sousa.

Pânico no Envira: Fuga em massa do presídio

Forte aparato policial está mobilizado na região do Envira, entre os municípios de Feijó e Tarauacá, na caça aos mais de 10 foragidos que na madrugada de domingo se evadiram do presídio da 5ª Unidade Prisional, em Feijó.

A polícia informou que a fuga deu-se por volta de 1h30min da madrugada, após fazer um buraco na parede do presídio que, fica anexo à Polícia Militar. A notícia da fuga em massa deixou os moradores e visitantes assustados, especialmente os brincantes do tradicional Festival do Açaí, uma festa que acontece em Feijó. Dos 15 foragidos 2 já foram capturados.

“Não há motivo para pânico”, diz delegado sobre 13 foragidos de presídio de Feijó

DELEGADO TRANQUILIZA

O delegado José Obtâneo dos Santos, responsável interinamente pela delegacia dos municípios de Feijó e Jordão, diz que não haver motivo para pânico, e que a população pode continuar participando do Festival do Açaí.

“Todos os policiais da Polícia Militar e da Policia Civil estão nas ruas, e na caçando aos foragidos. Também recebemos reforço de Rio Branco. Posso garantir que a população de Feijó e todas as pessoas que vieram de outros lugares participar da festa do açaí, estarão seguras”, disse o delegado.

Obetâneo disse que entre os foragidos, os mais perigosos são Jonas de Oliveira Ferreira, conhecido como “Jonas do Pascoal”, e Alexandre Tavares Leone. “Nossa missão é prender logo esses dois, que são muito perigosos”, informa. Dois Foragidos do presídio de Feijó já foram capturados pela polícia.

jornal a tribuna