terça-feira, 23 de outubro de 2018

Presidente da Câmara de Tarauacá acaba com o benefício da cota de combustível

Em entrevista à Rádio Nova Era na manhã desta segunda feira, 22 de outubro, o Presidente da Câmara Vereador Carlos Tadeu (PCdoB) fez uma defesa dos vereadores contra as acusações de desonestidade, por conta dos mesmos receberam subsídios para custear despesas de ações do mandato, com destaque para uma cota de combustível no valor de 200 litros mensais para cada parlamentar.

Na oportunidade, disse que não criou o benefício pois, exite ha muitos anos e que ninguém nunca questionou antes. “Não fui em quem criou a cota de combustível dos parlamentares. Ela existe desde outras legislaturas e ninguém questionou antes“, comentou.

Carlos disse que os vereadores estão se defendendo das acusações e que estranhamente esse assunto só veio à tona agora no momento em que a câmara aprovou uma comissão para investigar possível irregularidades na gestão municipal. “Essa ofensiva contra os vereadores com ações na justiça e matérias na imprensa é uma tentativa da prefeita de tirar o foco da investigação contra ela e tentar ridicularizar o nosso trabalho“, destacou.

Por último, o presidente disse que tomou a decisão de acabar com o benefício da cota de combustível. “Eu acabei com a cota de combustível, apesar de saber que vou pegar ‘pressão’ de alguns parlamentares, mas, a decisão está tomada. A partir de agora nenhuma gota de combustível para vereadores“, finalizou. 
Portal Tarauacá