quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Tarauacá: Zequinha pica-pau a maior conquista da minha vida foi largar as drogas

José de Albuquerque Castro, o popular “Zequinha Pica Pau”, tem 40 anos, é casado e pai de 6 filhos cada um com uma mulher diferente. Pintor por profissão, hoje é comerciante do ramo de tintas e mantém uma loja especializada localizada no centro da cidade. Quem o encontra hoje com saúde e feliz, não imagina sua história de vida e seu envolvimento com vício, especialmente, álcool e droga. 

“Fui viciado em álcool e droga, por um período de 10 anos. Eu e meu irmão Pica Pau, a gente tocava terror na cidade e éramos temidos” disse Zequinha. Nesse período sombrio de sua vida, Zequinha ainda foi preso por um período de 9 meses no presídio Moacir Prado, por tentativa de homicídio.
“Nessa época da minha vida eu era muito louco e me meti em muitas confusões, ao pondo te tentar matar uma pessoa“, afirmou.

Zequinha há oito anos deixou o vício da droga, álcool e cigarros e decidiu terminar o ensino médio e trabalhar de pintor. Logo em seguida montou o próprio empreendimento como representante de uma distribuidora de tintas, o que resultou na Loja Casa do Pintor, localizada na região central da cidade, onde vende tintas para Tarauacá, Feijó e Jordão. Fez um concurso da prefeitura para Auxiliar Administrativo e atualmente trabalha de vigia no posto municipal de saúde João Vanderlei.

“Foram duas vitórias na minha vida e eu agradeço a Deus. Primeiro, foi largar o vício, depois foi minha aprovação num concurso da prefeitura como auxiliar administrativo. Hoje tenho trabalho, família, casa própria e comprei até um carro para fazer minhas entregas“, agradeceu.
portal tk